Acompanhe as novidades

Mastopexia e redução de mamas: saiba as diferenças

Publicado em 27/08/2019 Mastopexia e redução de mamas: saiba as diferenças

Você sabe qual é a diferença entre a mastopexia e redução de mamas? Ambos os procedimentos são bastante procurados por mulheres de todas as idades. As cirurgias plásticas, são utilizadas tanto para aumento ou redução dos seios. Mas, há mulheres que buscam esse procedimento para outras finalidades e objetivos.

A intenção muitas vezes consiste em retirar a flacidez; que surgem durante o envelhecimento, amamentação, perca e ganho de peso, entre outros fatores.

Mas, para atingir esses objetivos, dois procedimentos médicos com características distintas são indicados. Por isso, é importante compreender as diferenças entre mastopexia e redução das mamas.

Mastopexia e redução de mamas: Qual procedimento é melhor?

Para saber qual dos procedimentos será o recomendado para você, é necessário consultar um médico. Contudo, saber as suas diferenças é essencial para compreender suas necessidades como paciente.

Mastopexia

A mastopexia tem como objetivo reverter o caimento dos seios ou ptose mamária. Durante o procedimento, a aréola e a pele com flacidez são reposicionadas elevando as mamas até sua posição original. O propósito deste procedimento é garantir a simetria ideal dos seios, sem reduzir ou aumentar seu tamanho. 

Esse procedimento é indicado para mulheres que apresentam flacidez e caimento da mama, em função do envelhecimento, oscilação de peso, ou amamentação.

Na mastopexia o uso de prótese não é exigido, mas pode ser uma opção, caso esteja alinhando ao desejo da paciente. Se assim ficar decidido, o médico fará uma avaliação, afim de saber se a quantidade de pele e tecido mamário dispensa a necessidade de prótese siliconada. 

Redução de mamas

Conforme o tipo de corpo de cada paciente, a cirurgia de redução de mamas retira o volume indesejado e deixa os seios com um formato simétrico e harmonioso.

A maior diferença entre os procedimentos de mastopexia e redução de mamas, consiste que na redução de mamas, há modificação no tamanho dos seios da mulher. O procedimento retira o tecido mamário em excesso, pele e gordura. Após a retirada, o mamilo e a aréola são deslocados para a posição superior.

Esse procedimento é indicado para mulheres com gigantomastia – em que se retira mais de um quilo do tecido mamário de cada mama. Essa cirurgia, em muitos casos, possui motivações de saúde, e não estética. As consequências de não realizá-la, neste caso, são problemas na coluna devido ao peso das mamas.

A redução da mama pode gerar melhoras consideráveis para quem possui dores no pescoço e ombros, alteração na postura, dificuldade para realizar atividades físicas e até infecção na pele sob os seios.

Em todos os casos, o médico deverá ser consultado, para que seja identificado qual será o melhor procedimento, diante de cada caso. Entre em contato com o Dr. Petrônio Fleury para mais informações sobre os procedimentos de mastopexia e redução de mamas.

Assine nossa Newsletter

Receba nossas novidades e mantenha-se informado.

Solicite uma ligação
e tire suas dúvidas
Fale com um de nossos atendentes ou, se preferir, nós ligamos para você.