Acompanhe as novidades

Como é feita a reconstrução mamária?

Publicado em 14/03/2019Como é feita a reconstrução mamária?

A cirurgia de reconstrução mamária é uma alternativa para mulheres que retiraram as mamas após lesão traumática ou tumor. O procedimento é realizado para reparação do órgão para restauração da forma, aparência e tamanho. A reconstrução mamária pode ser feita em etapas, dependendo da avaliação do profissional responsável pelo caso, tendo em vista a obtenção do melhor resultado para a melhora da auto-estima, autoconfiança e qualidade de vida da mulher.

Conheça os sintomas e principais orientações sobre como prevenir o câncer de mama neste artigo.

Técnicas de reconstrução da mama

Existem tipos de técnicas específicos para cada reconstrução, sendo prótese de silicone, expansores e transferência de retalhos de pele os principais deles.

  • Implante de silicone

O uso da prótese mamária para reconstrução quase sempre necessita da aplicação prévia de outras técnicas, como a de expansão ou a de retalhos, pois a retirada da mama pode deixar o tecido insuficiente para reconstrução.

Essa técnica é indicada para pacientes que não possuem quantidade suficiente de tecido para fazer a reconstrução por retalhos e não retiraram grande quantidade de pele na mastectomia, ou seja, na retirada da mama, para que o espaço para recebimento do implante seja suficiente para recebimento da prótese.

  • Expansores

A reconstrução mamária com uso de expansor é um procedimento feito em dois momentos. No primeiro deles, coloca-se um “balão” - o expansor -  abaixo do músculo, na região onde será reconstruída a nova mama. O expansor será preenchido com soro fisiológico semanalmente, e com o passar do tempo vai criando espaço para colocação da prótese definitiva, que é o segundo momento da reconstrução.

O expansor não deve causar dor ou desconforto à mulher, pois sua intenção é exatamente evitar ao máximo as lesões para a mulher. O expansor é colocado na mesma cicatriz da mastectomia, a fim de evitar novas incisões ou marcas no corpo. O procedimento pode inclusive ser realizado logo após a mastectomia, ou seja, na mesma cirurgia.

  • Retalhos de pele

A técnica de retalhos musculocutâneos, mais conhecida como retalhos de pele, é um procedimento que retira um segmento de pele e tecido gorduroso da região do abdômen ou do dorso e utiliza para preenchimento da região desejada, no caso da reconstrução, da mama. 

Quais as vantagens e desvantagens de cada tipo de reconstrução mamária?

No caso da reconstrução por implante, as principais vantagens são que a cirurgia e a recuperação são rápidas e menos dolorosas e os resultados estéticos são muito satisfatórios. Por outro lado, esse tipo de procedimento apresenta maior risco de problemas como deslocamento do implante, a aparência é menos natural e a prótese deverá ser trocada dentro de dez ou 20 anos.

Na reconstrução com retalho, os resultados são permanentes, sem necessidade de fazer novas cirurgias e os seios ficam com aparência mais natural. No entanto, entre as desvantagens desse procedimento estão: a complexidade da operação, que é mais demorada; a recuperação é mais dolorosa e lenta e a paciente deve ter tecido suficiente para fazer a operação.

Para saber mais sobre os tipos de procedimentos mamários leia este artigo.

Tempo de recuperação

O tempo de recuperação é um grande fator que diferencia as técnicas de reconstrução mamária. Enquanto a cirurgia de prótese tem o tempo de recuperação de 15 dias, a cirurgia de retalhos apresenta recuperação mais longa, sendo necessárias de três a quatro semanas, ou seja, o dobro do tempo em relação à cirurgia de prótese.

Os prós e contras de cada tipo de procedimento devem ser considerados junto ao profissional responsável, tendo sempre em vista a situação especifica que gerou a necessidade da reconstrução da mama da paciente e os resultados pretendidos pela mesma.

A paciente deve sempre ser orientada dos resultados esperados, do tempo e cuidados com a recuperação, para que a retomada da qualidade de vida da mesma seja um processo natural e bem aproveitado pela mulher.

Tem duvidas sobre esse procedimento? Agende uma consulta com o Dr. Petrônio Fleury através dos números (62) 3945-2039, (62) 99954-2094 ou clique aqui.